Viva a Casa de Francisca!

Neste fim de semana que passou, tivemos o privilégio de conferir ao vivo o El Grande Con(s)erto 2 da Casa de Francisca, que aconteceu no Teatro Oficina. Esta foi a segunda edição da linda e autêntica “festa da música”, que surgiu no intuito de arrecadar fundos para a manutenção do pequeno café-teatro, a menor e maior casa de shows de São Paulo… (a Casa de Francisca tem capacidade de menos de 50 lugares e é palco dos encontros musicais de maior qualidade, diversidade e criatividade que ocorrem em São Paulo).

O El Grande Conserto deste fim de semana, manteve o ambiente aconchegante e o primor de qualidade que cerca a Casa de Francisca em essência, seja qual for o momento ou circunstância.

PARABÉNS!  E VIVA A CASA DE FRANCISCA!

El Grande Conserto 2

“(…) O QUE SERÁ DE UMA CIDADE QUE DESTRÓI TODAS AS SUAS RESERVAS DE DELICADEZA, DE GRAÇA, DE MODÉSTIA? CAMINHE UM POUCO PELAS RUAS DE SEU BAIRRO EM BUSCA DOS CANTINHOS QUE AINDA NÃO FORAM DEVASTADOS POR ALGUMA OBRA GRANDIOSA E BREGA. O QUE SERÁ DE UMA CIDADE SEM VARANDAS? SEM JANELAS DANDO PARA A RUA – E O GATO ESPIANDO PELO VIDRO DE UMA DELAS? O QUE SERÁ DE NOSSO CONVÍVIO DIÁRIO NUMA CIDADE SEM O PEQUENO COMÉRCIO DE RUA, RESPONSÁVEL PELO TERRITÓRIO COLETIVO ONDE AS PESSOAS AOS POUCOS SE CONHECEM , SE CUMPRIMENTAM, CONVERSAM? UMA CIDADE SEM ZONA DE FAMILIARIDADE? O QUE SERÁ DE UMA CIDADE SEM AS VILAS COM CASAS ANTIGAS ONDE O PEDESTRE ENTRA SEM PASSAR POR UMA GUARITA E ENCONTRA UM MICRO-OÁSIS DE SOMBRA E SILÊNCIO? SEM A MINÚSCULA PRACINHAQUE SOBROU NUMA ESQUINA EM QUE SE ESQUECERAM DE CONSTRUIR OUTRA COISA? PROCURE OS ESPAÇOS EM QUE AINDA SEJA POSSÍVEL O ENCONTRO ENTRE O PÚBLICO E O PRIVADO, O ÍNTIMO E O ESTRANHO, O DESAFIANTE E O ACOLHEDOR. O QUE SERÁ DE UMA CIDADE QUE É PURA ARROGÂNCIA, EXIBICIONISMO E EFICIÊNCIA? O QUE SERÁ DE NÓS, MORADORES DE UMA CIDADE QUE DESPREZA A VIDA URBANA?” (MARIA RITA KEHL)

trecho extraído do programa do show

  1 comment for “Viva a Casa de Francisca!

  1. Marina
    11 de março de 2013 at 19:21

    Lindo e verdadeiro! Adorei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *